segunda-feira, 24 de abril de 2017

Você nunca vai ser rico

É quase unânime que a maioria das pessoas querem ser ricas, mas poucas procuram enriquecer de verdade. A maioria só sabem reclamar da vida, colocar a culpa em terceiros, por exemplo, no governo e na família, alegando que é pobre. Claro que para quem nasceu em uma família pobre é bem mais difícil se tornar rico, mas não é impossível. Conheço muitas que tem oportunidades, mas simplesmente não aproveitam. Hoje o acesso à informação é bem mais fácil, a internet está aí com muitas informações de graça, é certo que tem muita bobagem, mas há muita coisa boa, é só filtrar o que é bom. Mas o que vemos é que as pessoas gostam mesmo é de bobagem. Os sites e os canais do youtube  mais acessados são os que falam besteiras, que praticamente não agregam nada. 

Se você quer ficar rico e tem hábitos de manada, vive na matrix e acompanha o que a mídia e as pessoas pregam por aí, o que eu posso te falar que dificilmente você vai ficar rico. Se você realmente quer ficar rico tem que mudar seus hábitos ruins, estudar mais, procurar ganhar mais dinheiro através de um emprego, de empreendedorismo, etc. A seguir descrevi algumas coisas que impedem a riqueza das pessoas.

Deveria rebocar a parede a comprar iphone

Trocar de carro em dois em dois anos 

O que mais ouço são as pessoas e a mídia falando que é bom trocar de carro depois que ele completar 2 anos de uso. E vejo que a maioria acredita nisso e acaba trocando o carro. Nesse rolo acaba só gastando mais, dá o carro seminovo de entrada e completa para pegar o novo. Nisso nunca ficam com as finanças em dia. Não aportam e ficam só vivendo de aparências com um "sofá de rodas".

Comprar smartphone sempre quando lança um mais atual

A imbecilidade das pessoas é uma coisa que me admira muito. Vejo pessoas que não tem nem onde cair morta, mas estão com o celulares de última geração, os iphones, samsungs da vida. Claro que são os mais caros. Não contentam com um de R$500,00 ou menos. Tem que ser os que valem entre R$3000,00 e R$4000,00. Dividem em 24 vezes e ficam ostentando um porcaria de um celular ao invés de usar esse dinheiro para aprimorar nos estudos. Como é que uma pessoa dessa vai ficar rica um dia? 

Usar só roupas, sapatos, tênis de marca

Ás vezes eu tenho vontade de meter a porrada em algumas pessoas que ficam só falando de roupas e tênis de marcas. Os infelizes ganham uma mixaria de dinheiro e ainda ficam se exibindo seus tênis de R$700,00, camisas de R$300,00 parceladas em 12 vezes. Mas se perguntarem que tem algum dinheiro investido a resposta sempre é negativa.

Há muitas coisas que corroem o dinheiro das pessoas, como: baladas, bares, carros financiados, etc. As pessoas vivem de aparências, compram coisas para mostrar para outros. Acompanham a manada, nunca param para refletir o que está fazendo e depois ficam aí chorando por causa de reforma de previdência, de falta de oportunidades.

Abraços,
Cowboy Investidor

21 comentários :

  1. A mais pura realidade, Cowboy!
    Eu venho de família simples, batalhei duro, estudei muito, trabalhei muito e sai de uma renda de R$ 900,00 mensal (de 2009 a 2012), para a minha renda atual. (Pelo meus aportes, dá para se ter uma ideia...).

    Sempre fui muito econômico, troco de celular a cada 5 anos (tempo em que o aparelho já está praticamente destruído de quedas etc); não uso roupa de marcas e uso o carro por muitos anos a fio.

    Fico incrédulo com esse povo do iphone e tênis de marca. Pior ainda são os adolescentes que ostentam e os pais trabalhando em 2 empregos para manter esse vício.

    Uma criança de 5 anos outro dia estava chorando, questionei o motivo, ela disse que estava sofrendo na escola, pois os amigos tinham iPhone e ela não. Cara, 5 anos!

    Atualmente, não compro nada quando tenho vontade, espero alguns dias, leio, pesquiso e depois reflito bem.
    Nas últimas cagadas que fiz comprando "na vontade", perdi uma fortuna.

    O pior de alguns, é que além de não possuírem nada investido, terem várias coisas caras parceladas, ainda estão afundados com empréstimos!

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso aí IP,
      As pessoas compram o que não podem pagar.
      No caso dessa criança aí de 5 anos ficar chorando por causa de iphone é bem complicado isso. Pior que os pais compram. Eu conheço um cara que comprou um tablet para o filho de 2 anos. A justificativa é que o filho estava chorando porque os primos tinha e ele não. Rsrs.

      Parabéns pela sua trajetória.
      Abraços.

      Excluir
  2. Concordo com tudo o que você disse C.I, ainda bem que Eu, Vc e os amigos aqui da blogosfera temos esse pensamento !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala SP,
      Ainda bem que não temos o pensamento dessas pessoas. Eu que não quero ser escravo a minha vida toda.

      Abraços.

      Excluir
  3. Cara, todos os dias eu penso nisso: será que um dia vou ser rico a ponto de gastar com essas coisas?

    Acredito que não. Se a renda aumenta, os investimentos aumentam! haha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá MP,
      Temos que manter os pensamentos sempre positivos. Pelo menos tentar. Procurar sempre investir mais.

      Abraços.

      Excluir
  4. Isso que você citou é verdade. Mas dependendo do ambiente familiar, de trabalho etc que você esteja inserido, defender esse posicionamento pode ser o suficiente para você ser visto com estranheza por algumas pessoas.
    Aos poucos parece que essa visão econômica mais sustentável a longo prazo vai se tornando mais popular, é possível achar no youtube alguns vídeos de finanças com uma quantidade de visualizações razoávelmente grande, mas lógico que ainda perdem por muito de outras bobeiras que tem por lá.
    Além do conhecimento financeiro o que faz muita diferença é a personalidade do investidor. Quem é consumista, gosta de ostentar, é muito vaidoso, se preocupa muito com as opiniões de terceiros, embarca em qalquer modismo dificilmente sai desse ciclo.
    Apesar do Brasil ser um país caro é possível ter uma vida financeiramente tranquila sem ser rico.
    Por ultimo gostaria de sugerir uma coisa: Na blogsfera a muitos que tem opiniões radicais com relação a casamento. Você já foi casado. Aí eu te pergunto: Na sua opinião quando um casamento relamente vale a pena nos dias de hoje?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá anônimo,
      Muito obrigado pelo excelente comentário. Em determinados grupos realmente essas coisas podem ser vistas com desprezo.

      Sobre casamento: O meu casamento não vingou. Acreditava muito em casamento, mas depois que tive a experiência, não pretendo casar mais. Não é por que o meu não deu certo que o do outro não possa dar. Tenho alguns colegas que são casados e falam que não se arrependeram.
      Caso você queira casar um dia, o meu conselho é que procure uma pessoa que tenha os objetivos parecidos com o seu, caso contrário você só irá passar raiva.

      Abraços.

      Excluir
  5. Olhe pro lado e vai ver um potencial milionário colocando seu futuro no lixo em porcarias.

    ResponderExcluir
  6. Eu sou um lixo!
    Eu sou pobretão, horroroso e ainda nasci com essa doença horrível (homossexualidade).
    Eu também não sou de esquerda. Disseram me que finanças é coisa de cara hétero, igual futebol, cerveja e mulheres. Olha que vergonha eu tenho, não sei de esporte algum, não tenho amigos, nunca tive pai e nunca vou ter uma família de verdade. Nem sair da pobreza eu posso.
    Eu me odeio. Queria morrer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá anônimo,
      Isso aí besteira que falaram pra você. O que mais existem são baitolas ricos.

      Foque nos estados, no positivismo que você conseguirá algo.

      Abraços.

      Excluir
    2. Grato pelo conselho, mas o que quis dizer com estados? Não entendi. Eu sou só um baitola pobre que tem raiva de si. Gay é cheio de dívida para ficar se amostrando com telefone novo, roupa nova, carro. Gay é pior que homem hétero, é por isso que eu odeio ser um, porquê tentando melhorar de vida eu fico jogado de canto, sem sucesso na vida romântica, amorosa, social.
      Acho que isso que eu estou falando de outro mundo aqui.

      Excluir
    3. Vi agora o seu comentário.
      Errei na palavra. Leia-se estudos não estados.

      Excluir
    4. Vi agora o seu comentário.
      Errei na palavra. Leia-se estudos não estados.

      Excluir
  7. Exatamente Cowboy, a galera em vez de criar ativos, vão criando passivos, já fui bem assim antigamente, hoje tento me policia.

    Celular, compro quando não da mais para ser utilizado.

    Carro, não sou rico para trocar a cada 2 anos.. kkk Mas esse que tenho, termino de pagar em setembro, já fazem 3 anos que estou com ele, por enquanto vou ficar com ele até final do ano.

    Roupas, estou sendo o mais econômico possivel, procurando roupas boas por 20~70 reais.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá SB
      Obrigado pelo comentário.
      Eu também não tenho essa de comprar roupas caras. Procuro comprar boas e baratas.

      Abraços.

      Excluir
  8. Buenas, Cowboy! Conheço montão de gente assim. Mas como moro no interiorzão, também é comum ver milionários de chinelo, e roupa simples.

    Abraço e sucesso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá IpV,
      É assim mesmo. Lá na minha cidade natal também é desse jeito. Os pobres que ficam tirando uma de ricos. rsrs.

      Abraços.

      Excluir
  9. Só gasto grana mesmo com os Apple produtos isso me deixa falido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá VDD,
      Você pelo menos tem grana. Agora esse pessoal que não tem, aí fica complicado.

      Abraços.

      Excluir